Este fim de semana foi “espetado” mais um prego para o caixão que a nossa SAD anda a preparar.

É inadmissível que por causa de uma feira de vaidades, como é a gala dos Dragões de Ouro, se “transporte” um jogo de hóquei relativo à Liga Europa, contra o melhor clube do mundo da atualidade (Barcelona) para Fânzeres e um jogo de andebol do nosso campeonato para Viseu.

Mas o que é mais importante afinal? A entrega de uns prémios ou as competições em que estamos envolvidos?

Para que serve o Dragão Caixa afinal? É a casa das modalidades amadoras ou serve apenas para lhes “alugar” o espaço quando não é preciso para mais nada?

Não é que não ache que uma gala como a dos Dragões de Ouro tenha a sua importância. Admito que a tem, mas levar dois jogos importantes do nosso clube nas duas modalidades que mais títulos nos têm dado para campo neutro apenas para preparar a dita gala, é lamentável!

Como podem ler aqui e assinando tudo por baixo o que ali foi escrito pelo meu caro colega blogger Jorge Vassalo, por muito que Lopetegui tenha culpa (e tem) no que se passa na nossa equipa principal de futebol, não é o maior culpado disto tudo.

A política da SAD é uma politica de mercado, onde o essencial é o lucro. Não se importam minimamente com a estabilidade da equipa. Para eles a saída de sete jogadores titulares de uma época para a outra é bom, desde que dê lucro. Pode não dar títulos, mas dá lucro e isso é que conta para eles.

E enquanto assim for meus amigos, não auguro nada de bom para o clube que tanto amamos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios