Esta semana quase que jorravam lágrimas pelo meu rosto ao ver um vídeo partilhado pelo nosso adversário de ontem a tentar passar uma imagem daquilo que não são.

Só não me comovi porque tenho a perfeita consciência que não se tratou de pura hipocrisia de um clube que de fair play tem zero.

Claro que não basta passar vídeos quando a realidade fala por si como ontem se viu.

Pelos vistos um adepto portista no meio deles é o suficiente para borrarem a pintura. São uns tristes.

Este é o clube cujos adeptos mataram uma pessoa em plena final da Taça de Portugal. Este é o clube cujos adeptos agrediram com matracas um jogador de hóquei do nosso clube. Este é clube cujos adeptos incendiaram um dos nossos autocarros. 

Não quero com isto dizer que somos santos. Muito pelo contrário. Também fazemos coisas com as quais não concordo. 

Agora não andamos é a querer passar uma imagem hipocrita, suja e falsa daquilo que somos.

Anúncios